top of page

Gadgets de Saúde: Tipos e funções de cada um

Nós vamos muito além de um provedor de internet em Foz. Nós temos o compromisso de manter todos vocês que nos acompanham, sejam assinantes ou não, informados com assuntos de qualidade. 


E no contexto atual da tecnologia, os gadgets de saúde estão se tornando cada vez mais essenciais, oferecendo uma variedade de dispositivos para prevenção, diagnóstico e tratamento de várias condições de saúde. Conforme definido pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), esses dispositivos se enquadram em três categorias principais, cada uma com seus próprios objetivos e funcionalidades:


Gadgets de Prevenção: Esses dispositivos são projetados para ajudar na prevenção de doenças e lesões. Eles incluem:


  • Dispositivos de monitoramento de exposição solar: Estes dispositivos monitoram a intensidade dos raios UV do sol, ajudando as pessoas a proteger sua pele contra queimaduras solares e envelhecimento precoce.


  • Sistemas de rastreamento de saúde pessoal: Combinando sensores e aplicativos, esses sistemas monitoram vários aspectos da saúde, como sono, alimentação, níveis de estresse e bem-estar emocional.


  • Smartwatches e pulseiras fitness: Estes dispositivos são capazes de monitorar a frequência cardíaca, os níveis de atividade física, a qualidade do sono e outros dados relevantes para a saúde.


Gadgets de Diagnóstico e Acompanhamento: Esses dispositivos ajudam no diagnóstico de condições de saúde e no acompanhamento do progresso do paciente ao longo do tempo. Exemplos incluem:


  • Dispositivos de monitoramento de glicemia: Usados por pessoas com diabetes, esses dispositivos monitoram os níveis de açúcar no sangue, fornecendo informações em tempo real para gerenciar a condição.


  • Medidores de pressão arterial: Estes aparelhos medem a pressão arterial, ajudando a detectar e controlar a hipertensão e hipotensão.


  • Monitores de frequência cardíaca: Registrando os batimentos cardíacos, esses dispositivos ajudam a monitorar a saúde cardiovascular e identificar anomalias.


Gadgets de Tratamento: Projetados para oferecer terapias ou auxiliar no tratamento em ambientes não clínicos, esses dispositivos incluem:


  • Aparelhos de terapia de estimulação cerebral: Usando estimulação elétrica ou magnética, esses aparelhos tratam condições neurológicas como Parkinson e tremores essenciais.


Gadgets de terapia de luz: Utilizando diferentes comprimentos de onda de luz, esses dispositivos tratam condições de pele como acne, psoríase ou icterícia neonatal.


  • Dispositivos de terapia de compressão: Aplicam pressão externa controlada para melhorar a circulação sanguínea e reduzir inchaços.


Embora esses gadgets possam ser úteis, é fundamental usá-los com o acompanhamento e a orientação adequada de profissionais de saúde.


3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page